Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2016

O fim do Blog do Ël Mirdad

Esta é a última postagem do Blog do Ël Mirdad (que um dia já foi Farpas e Psicodelia). Ao fim, foram 1.083 postagens em 8 anos de atividade, de 2009 a 2016. Divulguei o trabalho de muitos artistas, nas áreas da música, literatura e audiovisual (eventos, shows, quadrinhos, etc.), e também o meu trabalho como compositor, escritor e produtor cultural. Das seções que fiz, a que mais me orgulhou foi Leituras. Abaixo, seguem duas imagens com estatísticas que o próprio Blogger oferece, apuradas em 22 de dezembro. O motivo para o fim desse blog é que não assinarei mais como Emmanuel Mirdad, e não tem lógica manter um canal de comunicação vinculado a esse nome.


Algum dia farei outro blog? Acho difícil. Caso faça, divulgarei apenas o meu trabalho como escritor, o único que continua, assinando, a partir de 2017, como Emmanuel Rosa.


Muito obrigado pela sua audiência. E espero que o Google mantenha esse acervo ativo, para quando você quiser voltar por aqui e ler (ou ouvir) algo que lhe agradou, d…

Revisando 2016

Emmanuel Mirdad, curador da Flica 2016 - Foto: Egi Santana
2016 foi o ano que terminei o meu primeiro romance, Miwa – A nascente e a foz. Em janeiro, lancei o livro de contos Olhos abertos no escuro, pela editora baiana Via Litterarum (a mesma que publicou, em 2015, o livro de contos O grito do mar na noite) – veja a cobertura fotográfica de Sarah Fernandesaqui. Neste ano maravilhosamente literário, descobri a obra valiosa da poeta Orides Fontela, assim como os contos de Aníbal Machado, Domingos Pellegrini, Conceição Evaristo e Márcia Denser, a poesia de Ana Martins Marques, e as crônicas de Ana Cássia Rebelo e Antonio Prata (veja trechos desses e de outros autores aqui). Li 63 livros, a mesma quantidade do ano passado (coincidência danada!), essencialmente literatura brasileira, mas selecionei menos passagens, publicadas no blog (despedi-me da seção Leituras – não farei mais as seleções, nem as divulgarei).

Com a ajuda de Sarah Fernandes, gravei 10 vídeos com trechos dos contos do li…

Flica 2016 - Resumo oficial

Resumo da 6ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira, a Flica 2016, que aconteceu de 13 a 16 de outubro, na charmosa cidade histórica de Cachoeira, recôncavo baiano, com realização da Cali e iContent.

O Governo do Estado da Bahia apresentou a Flica 2016, que teve o patrocínio da Oi e Coelba através do Fazcultura, Governo da Bahia, com apoio do Oi Futuro, Prefeitura Municipal de Cachoeira, Caixa e Odebrecht. A livraria oficial foi a LDM.

Site oficial aqui

Registro audiovisual: Create Produtora de Vídeo e Conteúdo



Não consegue visualizar o player? Veja aqui

Despedida da seção Leituras

Despeço-me da seção Leituras (que já foi chamada de Pílulas) deste blog.

Em quatro anos (2013 a 2016), selecionei trechos de 137 livros, dentre os 222 livros que li, com destaque para Anton Tchekhov, Hélio Pólvora, Nelson Rodrigues, Clarice Lispector, Dino Buzzati, Pepetela, David Foster Wallace, Julio Cortázar, Mayrant Gallo, Ruy Espinheira Filho, Daniel Lima, Guy de Maupassant, Jonathan Franzen, Orides Fontela, Ana Martins Marques, Aníbal Machado, Domingos Pellegrini, Machado de Assis, Conceição Evaristo, Marina Colasanti, Livia Natália, Otto Lara Resende, Marcia Denser, Caio Fernando Abreu, Gonçalo M. Tavares, Cristovão Tezza, Ondjaki, Ana Cássia Rebelo, Antonio Prata, Sérgio Andrade Sant'Anna, João Filho, Carlos Barbosa, Victor Mascarenhas, Rodrigo Melo, entre muitos outros.

Acesse aqui e leia os trechos selecionados.

Os 10 posts mais acessados do blog em 2016

Os dez posts do blog mais acessados em 2016

Abaixo, você confere os dez posts mais acessados neste blog em 2016. A apuração foi feita no dia 20 de dezembro.





1º Lugar:
O grito do mar na noite no site do jornal Rascunho
28/05/2016
1.426 acessos
Leia aqui






2º) Ana Martins Marques - O livro das semelhanças
29/09/2016
1.233 acessos
Leia aqui






3º) Ruy Espinheira Filho - Milênios e outros poemas
22/09/2016
1.208 acessos
Leia aqui






4º) Renato Russo - Só por hoje e para sempre
09/03/2016
1.114 acessos
Leia aqui








5º) Ana Martins Marques - Da arte das armadilhas
03/10/2016
1.002 acessos
Leia aqui







6º) Mônica Menezes - Estranhamentos
20/09/2016
935 acessos
Leia aqui








7º) Carollini Assis - O livro das palavras mal ditas
27/09/2016
929 acessos
Leia aqui







8º) Ângela Vilma - A solidão mais funda
21/09/2016
888 acessos
Leia aqui








9º) Flica 2016 - Autora homenageada
02/10/2016
689 acessos
Leia aqui







10º) Carlos Barbosa -
O chão que em mim se move
26/09/2016
671 acessos
Leia aqui


Leituras 2016

Os 63 livros lidos em 2016

Dentre os 63 livros lidos em 2016 (selecionei passagens em 37 livros), destaque para os contos de Clarice Lispector, Aníbal Machado, Domingos Pellegrini, Conceição Evaristo, Marina Colasanti, Otto Lara Resende, Marcia Denser e Caio Fernando Abreu, os romances de Machado de Assis, Pepetela, Estevão Azevedo e Milton Hatoum, os poemas de Orides Fontela, Ana Martins Marques, Mônica Menezes e Ruy Espinheira Filho, as crônicas de Ana Cássia Rebelo, David Grann e Antonio Prata, a biografia do Pink Floyd por Mark Blake e o livro histórico de Mary del Priore. Além disso, divulguei os lançamentos de escritores baianos como Carlos Barbosa, Ângela Vilma, Rodrigo Melo, Marcus Borgón e Silvério Duque, entre outros. Abaixo, você pode conferir, quais foram os livros lidos, além dos que tiveram passagens selecionadas. Boa leitura!





Todos os contos
(Rocco, 2016)
Clarice Lispector






"Nunca amar
o que não
vibra
Nunca crer
no que não
canta"

Poesia completa (Hedra, 2015)
Orides…